Participe ao vivo

  • Plantão Brasil Sul 1ª Edição

    Nelson Almagro

Participe na programação ao vivo da Brasil Sul!

Esportes

«
Anterior
Londrina Esporte Clube: Roberto Fonseca elogia at...
»
Próxima
Londrina Esporte Clube: Mais que os gols, Dagober...

Londrina Esporte Clube: Dagoberto marca três gols em goleada do Londrina e comemora: "Noite abençoada"


Atacante faz "hat-trick" e é decisivo na goleada sobre do Tubarão sobre o Atlético-GO, por 4 a 1, pela Série B. Ele chega a 10 gols em nove jogos e é um dos artilheiros da competição

Reportagem de Radio Brasil Sul

Aos 35 anos, Dagoberto mostrou que está voando baixo com a camisa do Londrina. Na noite desta sexta-feira, o atacante marcou três gols na vitória do Tubarão sobre o Atlético-GO, por 4 a 1, no Estádio do Café, pela 24ª rodada da Série B do Brasileiro.

Com o chamado "hat-trick", Dagoberto tem agora 10 gols marcados em nove jogos disputados pelo Londrina na Série B. Ele é um dos artilheiros da competição, ao lado de Lucão, do Goiás, e Gustavo, do Fortaleza.

- Estou muito feliz por estar ajudando, também pela situação que a gente se encontra, subindo na tabela. Glória a Deus por mais uma noite abençoada - disse Dagoberto, na saída do gramado.

O primeiro gol saiu aos oito minutos do primeiro tempo. Em contra-ataque, Dagoberto recebeu de Felipe Marques e, com liberdade, tocou por cima do goleiro Jefferson para abrir o placar no Estádio do Café.

Após pedir pênalti e levar perigo em duas finalizações, Dagoberto marcou o segundo gol aos 44 minutos do primeiro tempo. O camisa 10 cobrou falta perto da área e bateu sem chances para o goleiro, ampliando o marcador: 2 a 0.

O terceiro gol veio aos oito minutos do segundo tempo. Paulinho Moccelin foi derrubado na área, e o árbitro marcou pênalti. Dagoberto cobrou, tirou do goleiro e fez 3 a 0 para o Londrina. Na sequência, Paulinho Moccelin fez o quarto do Tubarão, e Renato Kayser descontou para o Atlético-GO.

A última vez que Dagoberto tinha marcado três gols em uma partida foi em junho de 2010, na vitória do São Paulo por 3 a 1 sobre o Grêmio,pelo Campeonato Brasileiro.

- É muito bom, estou muito feliz. Eu louvo muito a Deus por esse momento abençoado que estou vivendo. O time me procura muito em campo, isso é bom. Hoje eu tinha mais é que chutar ao gol mesmo, porque ela estava entrando - resumiu.

Apesar da atuação de gala, Dagoberto acabou recebendo um cartão amarelo ainda no primeiro tempo, ao pedir pênalti. Aos 12 minutos, ele invadiu a área, driblou Jonathan e caiu. O árbitro Péricles Bassols não marcou a penalidade e ainda deu o cartão ao jogador por reclamação. Foi o terceiro amarelo de Dagoberto, que vai desfalcar o Londrina na próxima rodada, contra o CSA, fora de casa.

- Eu conversei com o Bassols, eu o respeito muito, acho que é um dos melhores árbitros que temos. Ele me falou da interpretação dele, eu respeito, porém discordo. Não tem como eu chutar alguém na área se eu dou uma pedalada e um tapa no fundo. Estou jogando há 20 anos, já sofri pênaltis assim, mas respeito a opinião dele. Que bom que a gente fez os gols depois - comentou.

Lesão, recuperação e muitos gols

Dagoberto foi contratado em abril para a disputa da Série B. Logo na estreia, contra o Boa Esporte, ele entrou na etapa final e precisou de 40 segundos em campo para fazer o seu primeiro gol pelo Londrina, garantindo a vitória por 1 a 0. Na mesma partida, ele sofreu uma lesão muscular e ficou fora por três meses.

No retorno, contra o Avaí, na 15ª rodada, Dagoberto entrou novamente no segundo tempo e fez, de pênalti, o gol do Tubarão, na derrota por 2 a 1. No fim, ele acabou expulso após uma discussão com um jogador do time catarinense.

O primeiro jogo como titular foi na vitória por 3 a 0 sobre o Oeste, na 17ª rodada. O atacante foi o nome da partida, atuou nos 90 minutos e marcou dois gols: um de pênalti, logo no início, e um golaço, no segundo tempo, chutando de primeira, sem deixar a bola cair, após cruzamento na área.

Lesão, recuperação e muitos gols

Dagoberto foi contratado em abril para a disputa da Série B. Logo na estreia, contra o Boa Esporte, ele entrou na etapa final e precisou de 40 segundos em campo para fazer o seu primeiro gol pelo Londrina, garantindo a vitória por 1 a 0. Na mesma partida, ele sofreu uma lesão muscular e ficou fora por três meses.

No retorno, contra o Avaí, na 15ª rodada, Dagoberto entrou novamente no segundo tempo e fez, de pênalti, o gol do Tubarão, na derrota por 2 a 1. No fim, ele acabou expulso após uma discussão com um jogador do time catarinense.

O primeiro jogo como titular foi na vitória por 3 a 0 sobre o Oeste, na 17ª rodada. O atacante foi o nome da partida, atuou nos 90 minutos e marcou dois gols: um de pênalti, logo no início, e um golaço, no segundo tempo, chutando de primeira, sem deixar a bola cair, após cruzamento na área.

Fonte: Globo Esporte.Com

Foto: Gustavo Oliveira / Assessoria de Imprensa LEC